Jornal Antena - Encantado RS

Monday, Mar 30th

Last update05:36:33 AM GMT

Você está na seção:

Jornal Antena - Encantado RS

Emoção e fé marcam a IX edição da Paixão de Cristo

E-mail

 

A noite dos dias 12 e 13 de abril foi de grande emoção para o município de Imigrante que sediou a IX edição da Paixão de Cristo. Nem a chuva e o mau tempo impediram às milhares de pessoas de prestigiarem as duas apresentações que ocorreram em frente ao Convento Franciscano São Boaventura, no bairro Daltro Filho.
Várias novidades complementaram o espetáculo deste ano, entre elas um show piro musical e o show com o cantor tradicionalista Décio Tavares. Nesta edição, o espetáculo ainda contou com a participação de três atores profissionais, Emílio Farias, Dmitri Rodrigues e o também roteirista Emílio Speck, que dirige o espetáculo pela quinta vez.
Cerca de 60 atores da comunidade imigrantense e localidades próximas interpretaram os personagens da história de Cristo, num cenário de grande efetividade. Cenas fortes chocaram e emocionaram o público oriundo de vários municípios do Vale do Taquari e Serra, ultrapassando nesta 9ª edição as dez mil pessoas.
A inovação com a água encantou e surpreendeu com o rio Jordão criado no cenário, e ainda o malabarismo com fogo na cena do tentador. O realismo tomou conta da interpretação como no enforcamento de Jesus e a Via Sacra, onde Jesus foi açoitado e crucificado. Para finalizar, a alegria da ressurreição como forma de renovar a esperança em tempos melhores.
O prefeito de Imigrante, Celso Kaplan, destaca que a Paixão de Cristo é oficialmente um dos maiores eventos do estado. “É um orgulho para o município de Imigrante. Em nome da Administração Municipal, parabéns e muito obrigado a todos pelo sucesso mais uma vez alcançado”, cumprimenta Kaplan.
A IX edição da Paixão de Cristo é uma realização da Associação Cultural de Imigrante, apoiada pelo Governo de Imigrante e TBT Produções. Patrocinada por Gota Limpa produtos de limpeza e financiada pelo Pró-Cultura, Lei Nº 13.490 de 2010.

emocao e_fe_marcam_1emocao e_fe_marcam_2emocao e_fe_marcam_4

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com

Desfile para homenagear o Brasil

E-mail

 

O desfile cívico de Relvado foi regado por homenagens à Patria. O evento começou com as soberanas e princesas do município, Maria Luana Rodrigues da Silva, Angélica Fraporti e Jordana Salvagni, que desfilaram com as bandeiras do Brasil, Rio Grande do Sul e Relvado. Autoridades e a comunidade acompanharam o desfile que ocorreu na tarde de sábado, dia 6 de setembro.
A Escola de Educação Infantil Amiguinhos da Natureza fez uma homenagem à Banda Marcial, composta por 37 estudantes que conduziram o desfile. Alunas do 4º e 5 º ano do Ensino Fundamental das Escolas Municipais, coordenadas pela professora Adriana Restelli, representaram as atividades físicas e os esportes, sempre presentes na fase infantil. As Escolas Municipais Rurais de Ensino Fundamental Tiradentes, General Machado Lopes, Mário de Andrade e Maria de Souza compuseram um pelotão de estudantes que abrilhantaram o desfile de homenagem à Pátria. O grupo de cantoria Italiana La Felicitá também esteve presente, destacando a cultura italiana de Relvado.

desfile para_homenagear_o_brasil_11

Álbum de fotos desta edição

ALBUM: desfile para homenagear o brasil
LOADING...

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com

Coqueiro Baixo - Luciano Ongaratto assume o Executivo

E-mail

 

Devido já à programação das férias do vice-prefeito Reginaldo Zambiasi e do afastamento por motivo de saúde, do prefeito Veríssimo Caumo, submetido a uma cirurgia, assume a partir de segunda-feira, dia 15, o comando do município, o presidente do Legislativo, Luciano Ongaratto, que ficará no cargo pelo período de 10 dias. Esta é a primeira vez que nestes 14 anos da história do município que assume o presidente do legislativo. Luciano sente-se honrado em poder estar à frente dos trabalhos do executivo e ressalta que dará continuidade ao que está sendo feito. Destaca que será um período valoroso, pois sentirá na pele o que é administrar um município e tem a certeza de que procurará não decepcionar os coqueirenses.
Ao deixar temporariamente o Legisaltivo, a presidência da casa passa às mãos do vereador Roberto Carlos Bertol (PMDB), e a sessão de transferência de cargo acontece na segunda-feira, dia 15, às 13h30min.

luciano ongaratto_assume

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com

Residências são danificadas por forte chuva de granizo

E-mail

Putinga – Um temporal de granizo, na noite de domingo, 30 de setembro, por volta das 21h, destelhou, segundo levantamento da Administração Municipal de Putinga, mais de 100 residências no município, fazendo com que fosse decretado estado de emergência.

Conforme o Secretário Municipal da Administração, Élson Streck, o fenômeno durou cerca de 20 minutos, a precipitação foi mais intensa na região central, “em um raio de 2km, onde o temporal passou, ele varreu o que tinha na frente”, relata Streck.
Os automóveis que no momento se encontravam estacionados nas ruas também foram danificados. Após o gelo derreter o estrago continuou, estabelecimentos comerciais da área central foram inundados. O telhado do parque de máquinas, composto por uma estrutura de metal, não suportou o peso das pedras de gelo e desabou.
O granizo também causou danos em galpões no interior do município, de acordo com o Secretario da Agricultura de Putinga, Renato Froza, foram cerca de 10 aviários e 6 chiqueiros atingidos, além de algumas residências.
Perdas significativas nas lavouras também serão sentidas nos próximos meses, a safra de algumas culturas está comprometida, “cerca de 40% do interior foi atingido”, lamenta Froza. O prejuízo total estimado deverá ultrapassar a casa de R$ 1 milhão.
A chuva voltou no amanhecer da segunda-feira, a comunidade se solidarizou e muitos ajudaram a cobrir as residências atingidas. Por volta das 9h da segunda-feira, já não havia mais estoque de lonas no comércio do município. Na área urbana mais de 20 famílias ficaram desabrigadas.
Segundo Eliane Mazocco, Secretária de Assistência Social, foram registrados cerca de 350 cadastros de residências, empresas e instalações atingidas pelo fenômeno. As aulas na Creche Municipal e na Escola Estadual de Ensino Médio Padre Domênico Carlino foram suspensas até que os reparos sejam realizados.

residencias sao_danificadas_1

residencias sao_danificadas_3

residencias sao_danificadas_2

 

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com

População cobra asfalto

E-mail

 

Cansados de tantas promessas, de falsas expectativas, a comunidade de Capitão, juntamente com lideranças políticas locais e dos municípios vizinhos, encabeçados pela Câmara de Vereadores, através da presidenta Margarida Frohlich e demais vereadores, realizaram uma audiência pública na sede da casa legislativa, no dia 30 de setembro, com o intuito de mais uma vez iniciar uma mobilização para que seja iniciada e concluída as obras de asfalto da VRS-482, que liga Capitão a Arroio do Meio, num trecho de 16,5km.
Presentes à audiência, além da comunidade interessada, os prefeitos de Capitão, César Beneduzi, de Nova Bréscia, Gilnei Agostini; de Coqueiro Baixo, Veríssimo Caumo que também está no mesmo impasse com a sua obra e o prefeito de Arroio do Meio, Sidinei Eckerdt. Também presente o presidente da Comissão dos Municípios Sem Asfalto, deputado Gilmar Sossela, vereadores de Capitão, Nova Bréscia, Coqueiro Baixo, Arroio do Meio, Lajeado, Fazenda Vilanova e representando todos os demais vereadores do Vale, o presidente da AVAT, Leo Motta.
Iniciando os debates a anfitriã, Margarida Frohlich colocou que esta audiência pública não pode virar discurso de palanque, pois os munícipes estão cansados de esperar por esta obra, cuja novela se arrasta por mais de 15 anos, entre DAER, a empreiteira Better e o Estado. “Queremos uma solução o quanto antes”, diz Margarida.
Presente estava também, o secretário do Planejamento do Estado, Maurício Motta, que afirmou aos presentes que há recursos para estas obras, que o problema para resolver é sério, mas que ainda no governo Tarso será iniciada a obra.
O deputado Sossela, presidente da Sub-comissão sem asfalto, explanou a situação da obra, ouviu os presentes e concluiu que será formada uma comissão que irá conversar com o governador Tarso Genro, entre os dias 24 e 25, quando ele estará em Lajeado e Arroio do Meio.

populacao cobra_asfalto_1

populacao cobra_asfalto_2

populacao cobra_asfalto_11

 

O que disseram as lideranças:
“Tenho vergonha de vir e falar, pois todos os governos vêm e fazem um discurso bonito e nada. Nós prefeitos já perdemos a conta de quantas vezes já fomos a Porto Alegre para debater este assunto, onde criou-se várias expectativas, fazendo as pessoas de bobas. Criamos inclusive outro projeto para outra rota como alternativa, que está protocolado junto ao Daer, desde 2010, mas nada, é só discurso, enrolação e o povo já está cansado, diz César”. Por fim cumprimentou os vereadores pela iniciativa.
César Beneduzi – prefeito de Capitão

“Sabemos da dívida impagável do governo do Estado. Há anos a resposta é sempre a mesma, vamos fazer, e vem de toda a cúpula governamental. Com relação ao nosso asfalto de Coqueiro Baixo, a obra já foi licitada a exemplo de Capitão desde 1998, faltando apenas a ordem de serviço, pois a licença prévia e a ordem de instalação já foram aprovadas. “Mas o entrave é a burocracia. Quase ofereci a minha assessoria jurídica para resolver o assunto, pois para isso é preciso competência.
Mas mesmo assim acredito neste governo, pois se ele diz que tem recursos destinados ele irá fazer, pois não acredito que ele irá faltar com a verdade com os prefeitos. Acho que isso irá acontecer só em 2014”.
Prefeito Veríssimo Caumo de Coqueiro Baixo

“Estamos só na esperança, precisamos fazer com que rescindam o contrato e façam uma nova licitação, esta seria uma das soluções”.
Sidinei Eckerdt, prefeito de Arroio do Meio

“Se este asfalto não acontecer nos próximos meses, eles ficarão mais dois ou três anos sem asfalto. Vamos agilizar e trabalhar com urgência, Nova Bréscia esta nesta luta.
Gilnei Agostini – prefeito de Nova Bréscia

“Tenho 64 anos, e quando tinha cinco anos estaquiaram o acesso asfáltico. Estamos cansados, chateados e tristes. Não queremos ver mais uma geração sofrer vendo seu dinheiro ir embora. É incalculável o número de riqueza que passa por estas estradas.”
Genésio Rochembach, presidente da Comissão Pró-Asfalto.

“Somos parceiros e sabedores de que asfalto é desenvolvimento, estes acessos estão travando o crescimento destas comunidades”.
Leo Mota – presidente da AVAT

“Na iniciativa privada as coisas andam diferente, elas acontecem. Minha sugestão é de que os municípios envolvidos contratem uma assessoria jurídica para entrar dentro deste processo e resolvê-lo, já que o estado não tem competência.”
Joner Kerbs, empreendedor

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com

Página 11 de 157