Jornal Antena - Encantado RS

Wednesday, Sep 20th

Last update03:37:11 PM GMT

Você está na seção:

Ação rápida da polícia impede assalto a joalheria

E-mail

 

Segunda-feira, início da semana, geralmente traz grande movimentação no ambiente de trabalho. Na manhã de 17 de julho não foi diferente. Três homens armados invadiram a Joalheria e Ótica Cima, no Centro de Encantado, por volta das 08h35min. Logo após a abertura da loja, os assaltantes entraram no estabelecimento fortemente armados, visando recolher tudo o que conseguissem e fugir logo em seguida, porém, a polícia foi acionada antes do fim da ação dos bandidos.
Chegando ao local, dois policiais da Brigada Militar (BM) receberam ajuda de outros colegas, incluindo policiais que estavam de folga, policiais civis e aposentados que seguiram direto até a joalheria em prol da ação. Após uma vendedora ter sido arrastada até a porta como refém por um dos bandidos, houve troca de tiros entre policiais e assaltantes, mas ninguém ficou ferido.
Conforme a Polícia Civil, houve atrito entre os três assaltantes, já que dois deles, ao se verem sem saída, decidiram se entregar, e o terceiro acreditava que não deveria se render. Após alguns minutos, o trio decidiu se render, e com as mãos na cabeça, caminharam em direção às autoridades. Cidadãos encantadenses, que presenciaram o acontecimento, aplaudiram e parabenizaram os policiais que participaram da ação.
O delegado da Polícia Civil de Encantado, Augusto Cavalheiro Neto, que está cobrindo as férias do delegado Sílvio Huppes, afirmou que os assaltantes são de Porto Alegre, Itaqui e Santa Maria, todos com antecedentes criminais. Um dos indivíduos presos em flagrante, Leonardo Prata Espinheiro, 39 anos, estava foragido do sistema prisional. Os outros dois chamam-seJonata Souza Dutra, 21 anos, e Lucas Pedroso dos Santos, 19 anos. Confirmando a existência de pelo menos outros dois envolvidos, os policiais recuperaram o carro utilizado como meio de transporte pelos bandidos, um Fiesta de cor vermelha, furtado no dia 24 de junho no bairro Petrópolis, em Porto Alegre, cuja placa foi clonada. No veículo, foram apreendidas munições, toucas ninjas e drogas.Segundo o delegado, a quantidade de drogas recolhidas não é o suficiente para caracterizar tráfico.
O carro foi abandonado na rua Alegrete, bairro Planalto, Encantado. Encontraram os outros dois envolvidos, Luciano Porto de Souza e Júlio Meldrin de Oliveira Pilar,no final da manhã. A dupla foi direcionada até a delegacia juntamente de duas mulheres, companheiras deles, que foram ouvidas como testemunhas no caso.
Os homens serão acusados de roubo majorado, receptação, associação criminosa e um deles, que efetuou disparos, será acusado também de tentativa de homicídio.

acao rapida_da_policia_2acao rapida_da_policia_1

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar