Jornal Antena - Encantado RS

Wednesday, Aug 23rd

Last update04:34:25 PM GMT

Você está na seção:

Adriano Mazzarino - Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

 

Coluna Mazzarino - Edição 300

E-mail

 

 

Karina Bacchi e a paternidade futura

coluna mazzarino_1

Karina Bacchi é atriz. Ela decidiu ser mãe novamente. O atual marido, com filhos de casamentos anteriores, disse que não estava interessado em ser novamente pai. Ela então foi até os EUA, num laboratório, e promoveu uma gravidez independente.
As poucas linhas descrevem uma história com começo, meio e fim. Ela se encerra por aqui pois afinal é a vida pessoal da atriz, com a qual nada temos de proximidade e vínculo.
Mostra duas pessoas adultas, independentes e bem resolvidas exercitando o livre arbítrio. Pare, congele a cena e siga para o próximo capítulo.
Um novo cenário se abre. O posicionamento e atitude da atriz, por outro lado revela ou sinaliza um novo formato de relacionamento em construção.
Surge uma nova mulher, um novo acordo de vontades, um novo formato de relacionamento, um novo olhar sobre conceitos centenários e históricos como casamento, maternidade e família.
É o mundo das mudanças comportamentais, físicas, digitais e emocionais. Algo a ser avaliado, discutido e estudado no futuro com suas causas e consequências.
Num terceiro capítulo entra a criança que crescerá sobre novas perspectivas, projeções e realidades. Não serei eu aqui o julgador a dar sentenças sobre algo em construção e principalmente em temas que não domino.
No quarto capítulo, entre a minha curiosidade de observador do cotidiano e o motivo desta conversa. Qual será a função de pai? A figura paterna como será mantida neste novo contexto? Como serão desenvolvidos os frutos de uma relação onde o pai foi apenas uma ferramenta da engenharia genética?
A paternidade do futuro será anônima? Escolheremos, nós humanidade, a paternidade por um cardápio na tela do computador definindo e ou buscando as características de um Neymar, ou de um Mozart, ou de uma Gisele Bündchen, ou do ator Reynaldo Gianecchini?
Em breve, “compraremos” filhos como trocamos de celular?
Diante do relato, e dos questionamentos, farei uma previsão. Chegaremos num ponto que teremos festa de aniversário de criança que poderá faltar torta, refri e cachorro-quente. Mas não haverá festa sem internet.
O importante será a senha do wi-fi. E o nome do pai da criança, um simples acessório!

Frases

“Só toma frango goleiro bom. Goleiro ruim nunca joga bem.”
(Claudio Duarte, técnico de futebol, no programa Antenados, da Rádio Bandeirantes)

“Os partidos tratam as mulheres como uma subespécie!”
(Rosane de Oliveira, jornalista, colunista de ZH, em Venâncio Aires)

“Eu não sou daqueles que precisa ter medo. Eu não quero me preocupara com a próxima eleição. Este assunto só em abril ou maio do ano que vem.”
(José Ivo Sartori, governador do Estado, em manifestação aos prefeitos do PMDB, no Hotel Embaixador)

“Tudo que tu quiseres na tua cidade, convença as crianças e os jovens.”
(Jayme Lerner, ex-governador do Paraná em conversa com o então prefeito de Santa Maria, Cesar Schirmer. Diálogo relatado pelo hoje secretário de Segurança, em Garibaldi, aos prefeitos da Amesne.)

“A situação do mundo e das mudanças está assim: o degrau anterior sumiu e o degrau seguinte eu não enxergo.”
(Rogério Wink, empresário e radialista, em conversa com a coluna)

“No Brasil, o problema é político. E a solução também...”
(Caio Rocha, secretário nacional da Segurança Alimentar, em Estrela)

“As pessoas estão cansadas de ouvir as histórias contadas por homens brancos ricos.”
(Clarice Falcão, cantora e escritora)

“A mentira é como gravidez. Você não esconde por muito tempo.”
(Ronaldo Nogueira, ministro do Trabalho, em palestra, em Lajeado)

“O ciúme é saudades de mim.”
(Augusto Cury, escritor, em entrevista)

“As redes socais são onde o feio fica bonito e o covarde vira valente.”
(Ronaldo Nogueira, ministro do Trabalho, em palestra, em Lajeado)


Encantadense é destaque

coluna mazzarino_4
A encantadense Anna Laura Bertozzi Lahude, modelo e atriz, é a reportagem de capa da revista Lounge, editada em São Paulo. Na revista ela conta um pouco da sua história, citando Encantado, sua passagem por Porto Alegre e sua residência em São Paulo.
Atualmente ela integra o grupo de modelos da L’Equipe Agence. Seu projeto profissional é de especialização na área de cinema.


Câmeras de segurança não saem este ano

coluna mazzarino_2
Direto e objetivo. Encantado não terá câmeras de seguranças. Pelo menos, antes de março/abril de 2018 isto não terá acontecido.
Isto é uma opinião. Este jornal, os colegas de imprensa, a tribuna do legislativo, deverão estar relatando outros posicionamentos.
Estive na reunião do coletivo de entidades que debatem o assunto. Lá percebi um choque. Todos concordam com o projeto. O conflito está no formato.
O prefeito Adroaldo Conzatti (foto) entende que parte da verba deve vir de emendas dos deputados (que vieram e foram para o governo do Estado) e do governo do Estado. Ele afirma que só participa se houver aprovação do Tribunal de Contas.
A posição de Conzatti não se identifica com setores do seu secretariado. E entra em choque com o grupo. A ACI-E, entidade que lidera o debate, demonstrou que a soma de valores colocados nesta primeira fase estão quase totalizados.
Nesta soma estariam recursos da ACI-E, Poder Legislativo, Poder Judiciário, CDL e doação do CRE.
Também percebi outros choques. Todos envolvidos na embalagem da sutileza.
Quais? Vaidades, conflitos políticos, briga por espaços, duelos de egos? Não sei!
O que sei, ou melhor, o que senti é que não teremos câmeras de segurança nos próximos 12 meses.
Sobre o pensamento e ações de Conzatti, prefiro observar. Até janeiro espero que ele nos diga algo!


Uma marca para os produtos do Vale do Taquari

coluna mazzarino_3

O presidente da Amturvales, Rafael Fontana, provocou uma boa luta.
Ele integrava o grupo de convidados no jantar com o secretário nacional de Segurança Alimentar, do Ministério do Desenvolvimento, Caio Rocha.
Fontana pediu apoio na construção de uma “marca Vale do Taquari” para os produtos da região. O argumento de Fontana é que o turismo e gastronomia andam juntos, portanto, agregar um valor aos produtos da região seria uma forma de fortalecer os projetos de turismo.
É do gabinete de Rocha que são definidas as compras de alimentos para programas do governo federal.
Empresas do Vale do Taquari como as Cooperativas Languiru e Cosuel são fornecedoras de alguns destes programas.
No jantar estiveram também os prefeitos de Encantado, Teutônia, Santa Clara do Sul e Estrela e o presidente da Cooperativa Languiru, Dirceu Bayer.
A proposta de Rafael é uma boa pauta e um desafio para a região.


Motel
Aconteceu na região da grande Teutônia e adjacências. O casal decidiu ampliar os seus momentos de lazer. Como diz a leitora que conta, eles foram “apimentar” a relação.
Eles, residentes na área central da região, optaram por um ambiente nas vizinhaças.
Chegaram, tomaram um banho e foram pra cama. Quando as brincadeiras esquentaram perceberam que a cama fazia uma barulheira dos infernos. Ou melhor, os movimentos sobre a cama faziam o barulho elevado. Mas como a busca do prazer é mais interessante que os ruídos locais, seguiram brincando sobre a cama.
Porém, num determinado momento, perceberam que risos e conversas paralelas chamavam a atenção. Eram os funcionários do estabelecimento em conversas descontraídas. E assim concluíram que os motivos de tanta alegria eram os clientes. O barulho servia de alerta aos funcionários. Ou seja, a cama barulhenta era proposital, era foco de “piada” entre os serviçais. Concluíram que a privacidade estava sendo quebrada. E assim decidiram usar deste espaço e alertar os possíveis usuários deste segmento de lazer para ficarem atentos. Portanto, aviso de utilidade pública: muita atenção com camas barulhentas em motéis. Feito o alerta!


Curtas
Nesta sexta-feira, às 8h30min, o deputado federal Alceu Moreira (PMDB), visita a direção da Cosuel, em Encantado.

O vereador Diego Pretto (PP), doou o seu salário de parlamentar do mês de agosto como contribuição para o projeto de videomonitoramento de Encantado.

O prefeito de Encantado, Adroaldo Conzatti (PSDB), convidou para a secretaria de Obras, um nome não vinculado as legendas partidárias das siglas que apóiam o governo.

Forquetinha vai sediar no dia 17 de agosto o Seminário Regional do PP. A informação é da coordenadora regional da sigla, Mareli Vogel.

O deputado federal Darcísio Perondi (PMDB), um dos escudeiros do Presidente Michel Temer, esteve em Encantado, reunido no Legislativo com alguns vereadores do PMDB. Houve pouca divulgação para o fato. Ou nenhuma divulgação. Estranho!


No dia 25, os prefeitos integrantes da Amvat, se reúnem em Arroio do Meio, recebem o secretário de Segurança, Cézar Schirmer.


Entre Dois Lajeados e Muçum seguem os acidentes de trânsitos e as tragédias. As autoridades dos dois municípios, mais Vespasiano Corrêa poderiam reunir-se e debater o problema e suas soluções. Ou isto foge ao foco, interesse e autonomia dos municípios pois a rodovia é estadual?

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com

Página 1 de 175